Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
16/08/19 às 8h42 - Atualizado em 16/08/19 às 8h42

SFA lança rota da fruticultura para DF e Ride

COMPARTILHAR

 

A Superintendência Federal de Agricultura do Distrito Federal (SFA/DF) realizou, nesta quinta-feira (15), no auditório da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), o Seminário de Fruticultura Ride-DF. O evento teve o objetivo de apresentar o projeto de criação da Rota da Fruticultura no Centro-Oeste. Segundo o superintendente Federal de Agricultura do DF, William Barbosa, a fruticultura será a menina dos olhos dos produtores rurais do Cerrado, pelo grande potencial de geração de renda. “Cada hectare de fruta equivale a 30 de soja. Imagina o impacto que isso pode causar na nossa região em termos de produção e desenvolvimento”, afirmou.

 

O secretário de Agricultura, Abastecimento e Desenvolvimento Rural do Distrito Federal (Seagri/DF), Dilson Resende, colocou o sistema da Agricultura do DF (Seagri, Emater e Ceasa), à disposição para ajudar no que for preciso para o desenvolvimento da fruticultura na região. Segundo ele, o DF já possui uma cadeia produtiva de goiaba bem estruturada, assim como o maracujá, banana e outras frutas, em uma escala menor.

 

“A Secretaria, além de trabalhar com as políticas e a defesa agropecuária, pode oferecer assistência técnica, através da Emater, e ajudar na comercialização, através da Ceasa. Isso tudo é importante para ajudar a traçar uma rota e definir prioridades para o desenvolvimento da fruticultura na nossa região. Ficamos muito felizes em participar e colocamos a Secretária à disposição e estamos preparados para essa parceria. Queremos ser o instrumento de desenvolvimento dessa cadeia e de outras”, afirmou o secretário de Agricultura do DF, Dilson Resende.

 

Segundo a presidente da Frente Parlamentar Mista da Agricultura e da Agricultura Familiar (FAAF), a Deputada Federal Bia Kicis, é importante aproveitar a expertise da Codevasf para desenvolver e fomentar a fruticultura no DF e Entorno. “Nós temos no DF um grande consumo de frutas, mas sabemos que elas não são plantadas aqui. Nós queremos trazer para esse mercado consumidor a produção, gerando renda e emprego”, destacou.

 

O diretor de Desenvolvimento Integrado e Infraestrutura da Codevasf, Sérgio Luiz Soares da Costa, também colocou a Codevasf à disposição para ajudar a fomentar o projeto e destacou, através de exemplos de municípios onde a Companhia atua, que a fruticultura pode ser algo pujante e geradora de emprego e renda. “A Codevasf fica feliz de receber os parceiros que aqui estão. Essa é uma forma que temos para contribuir com o DF e o estado de Goiás, nos colocando à disposição para que possamos ajudar a desenvolver a Ride”, ressaltou.

 

Também participaram do seminário, o presidente da Ceasa/DF, Wilder Santos, o representante da Secretaria de Agricultura de Goiás, Ricardo Carneiro de Araújo, a coordenadora das Rotas do Açaí e da Fruticultura do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), Simone Leite, o superintendente da Conab no DF e Entorno, Rafael Bueno, produtores rurais, representantes da Emater/DF, associações e cooperativas de produtores, entre outras autoridades do setor e pessoas interessadas no tema.

 

Sobre a Ride

 

A Região Integrada de Desenvolvimento do Distrito Federal e Entorno foi criada em 1998 e hoje é formada pelo DF e mais 21 municípios de goiás e Minas Gerais.

 

Fazem parte, o Distrito Federal e os municípios goianos de Abadiânia, Água Fria de Goiás, Águas Lindas de Goiás, Alexânia, Alto Paraíso de Goiás, Alvorada do Norte, Barro Alto, Cabeceiras, Cavalcante, Cidade Ocidental, Cocalzinho de Goiás, Corumbá de Goiás, Cristalina, Flores de Goiás, Formosa, Goianésia, Luziânia, Mimoso de Goiás, Niquelândia, Novo Gama, Padre Bernardo, Pirenópolis, Planaltina, Santo Antônio do Descoberto, São João d’Aliança, Simolândia, Valparaíso de Goiás, Vila Boa e Vila Propício, além dos municípios mineiros de Arinos, Buritis, Cabeceira Grande e Unaí. (Fonte: Sudeco)

 

Texto e foto: Ascom Seagri/DF